12ª Tiragem – O Velho e o Mar, um livro de Ernest Hemingway

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

hemingway-fidel

EDIÇÃO RÁPIDA – 12ª TIRAGEM – O Velho e o Mar (Ernest Hemingway)

Podcasters:  Valesi o host do episódio, Mateus Ferreira, Rubens Netto do Boletim do Paddock e Will Mesquita do Papaya Orange.

Escreva para nós: contato@edicaorapida.com.br 

Nossas Redes Sociais: Twitter Facebook Skoob YouTube

 

Taça_Tribruxo_001Troféu Prefácio:

O nosso Troféu Prefácio vai para Alessandra Souza.

 

wallpaper-ambrosia-literatura-o-velho-e-o-mar

 

LIVROS DOS DIA: O Velho e o Mar (by Ernest Hemingway)

 

Por quê escolhemos este livro?

Ouçam!!!!

 Quais livros que cada um de nós escolheu?

  • Valesi: 45ª Edição, Bertrand Brasil, 2000. 128p. Tradução de Fernando de Castro Ferro.
  • Mateus: 80 edição. Editora Bertrand.  2013. Tradução Fernando de Castro Ferro. Capa Ângelo Allevato Bottino. Imagem de capa Simon Roberts. Ilustrações C. F. Tunnicliffe e Raymond Sheppard
  • Rubens: Ouçam!!!
  • Will: 70ª Edição. Editora Bertrand Brasil. 2010. 128p.

 

Qual a expectativa antes de ler o livro?

Ouçam!!

 

O visto do Departamento de Guerra emitido em 1944. Crédito O Ernest Hemingway coleção da fotografia. Biblioteca Presidencial John F. Kennedy e Museu
O visto do Departamento de Guerra emitido em 1944. Crédito O Ernest Hemingway coleção da fotografia. Biblioteca Presidencial John F. Kennedy e Museu

 

BREVE BIOGRAFIA DO AUTOR:

 

Ernest Miller Hemingway (Oak Park, 21 de Julho de 1899 — Ketchum, 2 de Julho de 1961) foi um escritor norte-americano. Trabalhou como correspondente de guerra em Madrid durante a Guerra Civil Espanhola (1936-1939) e também na 2ª Guerra Mundial – esteve presente no desembarque na Normandia, no dia D, apesar de não ter ido à terra. Esta experiência inspirou uma de suas maiores obras, Por Quem os Sinos Dobram. Ao fim da Segunda Guerra Mundial (1939-1945), se instalou em Cuba. Em 1953, ganhou o Prémio Pulitzer de Ficção, e, em 1954, ganhou o prêmio Nobel de Literatura. Suicidou-se em Ketchum, em Idaho, em 1961.

 

EH 8264P   Henry "Mike" Strater and Ernest Hemingway with "apple-cored" marlin. Bimini, Cat Cay, 1935. Photograph in the Ernest Hemingway Photograph Collection, John F. Kennedy Presidential Library and Museum, Boston.
Hemingway e um marlin meio comido por tubarões em 1935. Photograph in the Ernest Hemingway Photograph Collection, John F. Kennedy Presidential Library and Museum, Boston.

 

gregorio-fuentes-Hemingways-Cuba
Gregorio Fuentes, pescador e comandante do Pilar, barco de Hemingway – provável inspiração para Santiago.

 

TOMO UM: SEM SPOILERS

 

Sinopse

 

O Velho e o Mar (The Old Man and the Sea, no original em inglês) é um romance de Ernest Hemingway, escrito em Cuba, em1951, e publicado em 1952.

Foi a última grande obra de ficção de Hemingway a ser publicada ainda durante a sua vida, sendo uma das suas obras mais famosas.

Conta a história de um velho pescador que luta com um gigante espadarte em alto mar por entre a Corrente do Golfo. Apesar de ter sido alvo de apreciações muito divergentes por parte da crítica, é uma obra que permanece uma referência entre os livros de Hemingway, tendo reafirmado a importância do autor em tempo de o qualificar para o Prêmio Nobel de Literatura de 1954.

 

spoiler-alerta 

 

TOMO 2 – SPOILERS FREE

 

Não daremos spoilers aqui, ouça o nosso podcast e leia o livro ou leia o livro e ouça o nosso podcast.

 

Links:

Youtube, dublado, filme:

Youtube, animação – excelente:

 Hemingway Was The Gratest:

Músicas do episódio (Creative Commons – Jamendo)

  • The Dust Bowl – Diamond Eyes
  • Pierre Wohl – Rock Instrumental
  • Cabaret Sauvage – Cabaret Sauvage
  • Starfish Stories – Free Rock Instrumental
  • Rendezvous Park – Down part II
  • Jason Pfaff – Movin Blues
  • Guy Berrier – Doubleface
  • Jim Guittard – Blues Instrumental
  • Convey – Colorblind
  • Hemingway Was The Gratest:

Feed do Edição Rápida: feeds.feedburner.com/EdicaoRapida

images

Rubens Gomes Passos Netto

Netto, popularmente conhecido entre os imigrantes Guaxupeanos treteiros que tocam a zueira no pequeno município de São Paulo, gosta de comprar livros, mais do que até ler estes que já adormecem em suas estantes, ler os livros é algo em que ele acredita não ser necessário depois que os compra, já semeava a discórdia ao aceitar o rótulo de “nerd”, quando em terras tropicais, tal rotulo era algo, um tanto, pejorativo, o que julgava ser maravilhoso, apaixonado por Fórmula 1 e por teorias que não levam a humanidade a lugar algum, salvo se for ao La Chollita.

2 comentários em “12ª Tiragem – O Velho e o Mar, um livro de Ernest Hemingway

  • 10 de maio de 2016 em 11:04
    Permalink

    A menina que roubava livros…. o garoto do pijama listrado …. sera esses o px podcast… saudades de vcs… enfim o jejum acabou …. abraços…. só
    pra não perder a cadeira cativa…

  • 10 de maio de 2016 em 16:06
    Permalink

    Dra. Alessandra, obrigado a especialmente a você que é sempre sinal prestigio com a sua audiência no Edição Rápida! Abraços

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: